Terça-feira, 30 de Junho de 2009

O melhor ano da nossa vida...Lindo!

Para partilhar...

 

publicado por Nucha às 15:23
link do post | comentar | favorito
Domingo, 28 de Junho de 2009

Parabéns Camila...

A Camila é uma menina muito doce...

Chora quando é hora de me vir embora com a minha filha.

Pede sempre que fiquemos mais um pouco.Acabamos sempre por ficar mais uns minutinhos porque os seus lamentos são sentidos e as lágrimas grossas fazem-nos desistir. Acabamos a negociar o tempo para a próxima vez.

A Camila fez anos no dia 25. Não estive com ela. Pedi à Bé,  eu não estava, que lhe levasse o "mimo" que lhe tinha comprado, como faço com todas.

Espero que ela tenha comemorado hoje com alegria o seu aniversário. ( Lá em Casa, as festas de aniversário são feitas sempre ao Domingo!)

Parabéns Camila!

publicado por Nucha às 23:45
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 25 de Junho de 2009

Tróia...

Estou em Tróia. Está a decorrer o Tróia Portugal Match Cup.

Apesar de não ser fã deste tipo de desporto,pois  tenho pânico de andar de barco,

não posso deixar de reparar nas velas ao vento, nos barcos coloridos e na roupa a preceito. A predominância está no azul e no  branco pontuado pelo vermelho.

Estive um tempo na nova marina e estive entretida a ver as manobras de instrução do catamaran que vai ligar Setúbal a Tróia apenas com passageiros. O verde sobressai no rio...verdade? A cor não é, de todo, consensual.. mas acho-lhe graça!

 

 


publicado por Nucha às 01:06
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Domingo, 21 de Junho de 2009

Cuba...hasta siempre!

 

Fui a Cuba em 2004... presente do meu marido pelos meus 40 anos.
Preferi uma viagem a uma festa. Não me apetecia comemorar o meu aniversário,  estava a passar um período doloroso de perda de uma pessoa que amava.
Foi uma escolha pensada um sítio que ambos desejávamos conhecer.
Como todos os turistas instalámo-nos num resort em Varadero. Magnífico sem dúvida...nada nos faltava!
Mas, como não somos turistas comuns, no sentido de nos instalarmos no resort e não conhecermos mais nada...iniciámos o nosso périplo por Varadero desconhecido dos turistas.
Nos mercados de artesanato conversámos com os artesãos e entendemos como tudo se processa nos “mercadillos”...eles contam pouco e a medo mas sempre com um sorriso (muitas vezes forçado!).Entramos no supermercado interdito aos cubanos, só para turistas e recordo muito bem do monte de alguidares plásticos e coloridos...ainda hoje me pergunto para quê???? Recordo ainda com mais nitidez o balcão frigorífico das carnes, com cerca de 4 metros e com um lombo de porco lá dentro. Sim, apenas UM lombo!
Nestas deambulações por Varadero Viejo encontrámos uma padaria do Estado sem um único papo-seco!
Em Varadero comprámos charutos numa loja especializada em tabacos e muito luxuosa, posso dizer-vos que, como era uma loja do Estado os empregados "estão-se nas tintas" para os clientes...é engraçado percebermos estas coisas.
Assim fomos percebendo como se vivia em Cuba. Mas era preciso ir a Havana para ver mais e  fomos.
Não esqueço duas coisas da viagem:  A primeira tem a ver com a cancela que teve que se abrir para o autocarro passar.
Varadero tem um estatuto especial dentro desta ilha caribenha. Só em Varadero se aceitam Euros, pelo menos na altura, e há muito pouco tempo.
 A segunda tem a ver com a Guia que nos levou. Para além dela ia o motorista e um indivíduo que fazia a reportagem em vídeo para quem quisesse comprar. A Guia sempre que falava qualquer coisa terminava com a frase "nuestro Comandante". Não contei as vezes que ela disse mas asseguro-vos que foram muitíssimas.
Percebi, muito bem, que a Guia não responde a todas as questões colocadas pelos turistas porque são incómodas para o tipo de ditadura que ali se vive e mais... ela não sabia se o fotógrafo ou o motorista podiam  ou não ser delatores.
Chegámos a Havana. Durante o  percurso fomos avisados como crianças que em caso algum nos podíamos separar da Guia.  A própria se intitulava de "Mamã" e nós os seus filhos.
A chegada a Havana é estonteante pois mal saímos do autocarro crianças e adultos correm ao autocarro para nos venderem "cacauetes" e para nos pedirem tudo o que lhes possamos dar.
Por saber disso levei algumas coisas na carteira, como sabonetes, que sabia serem deveras apreciados. A partir daí abordam-nos de todas as formas mas com muito cuidado. Desde os que querem que compremos charutos ou rum sem factura, vale tudo!
Mas Havana foi uma sumptuosa cidade que hoje nos leva às lágrimas no verdadeiro sentido da palavra. Tudo o que vos possa contar ficará aquém da verdadeira realidade.
A cidade é uma cidade destroçada onde não há nada. O pouco que há é para os turistas.
Mal conseguimos, afastámo-nos da Guia e posso dizer-vos que ela não gostou.
Claro que fomos ao bar que  Hemingway  frequentava tomar um "Mojito"- La Bodeguita del Medio. O El Floridita era outro dos bares de referência do escritor.  Quem não leu "The old man and the sea"? Mesmo que muito turístico seja este roteiro não o perdemos. Também fomos até ao Molécon...aí o mar é o limite!
Fomos até onde pudemos em La Habana Vieja. A cidade foi linda mas hoje é um destroço.
Quando me dizem que os cubanos são um povo feliz esboço apenas um sorriso: eu não achei!
Como se pode ser feliz se não há comida e quando há é racionada e muito pouca? Como se pode ser feliz onde não há leite, quando há é em pó e mesmo assim muito racionado? Como se pode ser feliz onde nos cortam a electricidade e o muito pouco que há nos frigoríficos se perde? Como se pode ser feliz quando por mês o ordenado ronda os 25 €?  Como se pode ser feliz onde não podemos dar seja o que for aos nossos filhos? Como se pode ser feliz quando não se pode dizer o que se pensa?
Este texto já vai longo. Teria muito mais a dizer e a contar da minha estadia em Cuba mas não é essa a razão que me fez escrever tudo isto. Aconselho-vos a ir pois é sem dúvida uma viagem muito transformadora a muitos níveis.
Quando falo com pessoas que já lá estiveram e se cingiram a ficar num resort em Varadero e comer lagostas sinto que é muito redutor…Como é possível estar em Varadero e não conhecer os mercados de artesanato que por lá proliferam? É muito engraçado comprar uma escultura e quando perguntamos de onde veio esta madeira para a fazer nos respondem que em tempos esse pedaço de madeira foi um poste de electricidade… Ou comprar uma pulseira feita de um garfo de alpaca com contraste que nos relembra o fausto vivido naquela Ilha…
Nem sequer saber que há Varadero Velho e “Cocos”? Quando se bebem Mojitos no hotel como se estes fossem acabar…e não se vai a Havana? Onde até a Praça onde o Ditador discursa é digna de ser vista! Desculpem-me mas fazer turismo é importante também para tomadas de consciência e Cuba é um destino importante não só pelo Sol e pelo Mar azul cristalino…e lagostas!
Pretendia ser uma abordagem a um blog que gostaria de apresentar e fazer difundir de uma cubana, Yoani Sanchez,  que conta, através do seu blog, a vida em Cuba.
 Quero deixar-vos este blog como um blog a seguir.
Mas este blog é feito de muita coragem, com muita solidariedade (vejam as traduções feitas por blogueiros) e ainda com alguma fé.
Em Cuba os cubanos não têm aceso à Net como nós. Este blog vem através de Cuba, só Deus sabe como!

E incontornável...Hasta Siempre

 

publicado por Nucha às 19:08
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 17 de Junho de 2009

Calor e felicidade...

Está um calor medonho...mas nem isso me tira as alegrias da manhã no que respeita à Casa.

Passo a explicar o motivo da minha alegria: Veio a resposta da Robbialac ao meu pedido de doação de tintas para pintar a casa no exterior (que bem precisa!) e a resposta foi POSITIVA!!!

O pedido foi aceite e em breve teremos tintas para pintar a Casa.

Depois fui tratar da hipotética oferta dos bilhetes para as crianças irem ao Jardim Zoológico...e tenho quase a certeza que se vai conseguir.

Para finalizar fui buscar os cortinados, que tinha comprado para a sala de estar das miúdas, e que foram  a fazer baínhas.

A D. Antónia,  foi quem fez as ditas cujas,  sabia para onde eram foi generosa e ofereceu este trabalho. Ainda há muita gente generosa...

Então não tenho motivos para estar feliz?

Podemos comemorar...

 

 

publicado por Nucha às 16:24
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 16 de Junho de 2009

A Casa...

 

publicado por Nucha às 08:30
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Amigos de infância...

A infância é sempre uma fase que nos marca.

Hoje reencontrei um amigo de infância, através da irmã  e fiquei muito feliz.

A vida é feita destes pequenos prazeres ainda que o façamos virtualmente...continuo a dizer que o mundo é pequeno e redondo e o mundo virtual também!

O Pedro enviou-me fotografias. Aqui fica uma delas que me encheu plenamente...

publicado por Nucha às 08:20
link do post | comentar | favorito
Domingo, 14 de Junho de 2009

Subscrever por email...

A partir de hoje já podem subscrever o Três Chávenas de Chá por email.

Assim basta escrever o vosso endereço electrónico e submeter. Sempre que um novo post é escrito vai imediatamente para o vosso email.

As novidades chegam rápido assim...

Agradeço a ajuda preciosa da Moira, sem ela tão depressa não conseguia colocar esta funcionalidade.

Agradeço também à Sorriso pois ela "pressionou-me" a faze-lo!

 

publicado por Nucha às 18:02
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 11 de Junho de 2009

Há Sorrisos....e sorrisos!

Um Sorriso é sempre bom...

Ter uma amiga que se chama Maria Sorriso é ainda melhor.

Eu tirei-lhe o Maria e só a trato por Sorriso.

A Sorriso vive no Porto e quer colaborar com a Casa das miúdas.E colaborou!

Ofereceu a caixa de ferramentas que tanto jeito nos faz lá em casa.

A caixa ainda não está lá em casa porque sou eu que a vou comprar mas a oferta é da Maria Sorriso com um grande Sorriso :)...Obrigada!

Aqui fica um mimo para ti com votos que te estejas a divertir em Barcelona.

Espero que tenhas comido tantos bolos como a Leonor...

 

publicado por Nucha às 11:00
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Junho de 2009

O Homem Gigante. Alguém duvida?

Porque há coisas muito transformadoras na nossa vida, aqui fica mais uma!

 

 

publicado por Nucha às 12:52
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

.posts recentes

. IRS - Abra as portas a es...

. Vida...

. Rodoviária melhora acessi...

. Portugueses criam máquina...

. Para a prima mais bonita ...

. Vamos dar rodas ao André....

. "Seja a diferença na vida...

. Porque hoje faço anos...

. Abrir um ano novinho em f...

. Feliz Ano Novo...

.Subscrever por email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

As fotos publicadas neste blog não são, na sua maioria, da minha autoria. Inspiro-me simplesmente quando vejo algumas e guardo-as. Uso-as quando elas permitem expressar o que sinto ou quero dizer. Espero que sejam tão inspiradoras para si como o são para mim. Se for autor de alguma das fotos que se encontram neste blog, cujo principal fundamento é a solidariedade, agradeço que me contacte para poder colocar o seu nome com os devidos créditos de autoria, ou se preferir posso retirá-la,basta enviar-me um e-mail ou deixar um comentário.
blogs SAPO

.subscrever feeds