Sexta-feira, 15 de Janeiro de 2010

Hoje faço anos...

Hoje faço anos e venho dar noticias.

Sei que os que me lêem e estão próximos de mim por outros meios percebem a minha agitação.

Aos que eu não chego de outra forma o meu pedido de desculpas pela falta de noticias.

Como disse no post anterior é um período difícil .

Penso poder dizer que o estado do meu pai é estável...vamos, enquanto família, tentando gerir um dia de cada vez.

Ainda não é hoje que vou responder aos vossos comentários do post anterior, um a um, pela falta de tempo mas irei fazê-lo.

Agradeço a todos e a cada um de vós todos os gestos de carinho e amizade que me comovem e animam simultaneamente.

É bom saber que temos amigos e que também nas adversidades eles estão presentes.

Obrigada a todos!

publicado por Nucha às 08:26
link | favorito
De brittany a 16 de Janeiro de 2010
Querida, 


Alça asas, para poderes voar. Cuida das tuas asas com carinho, rigor e determinação.
Com carinho, para que elas possam crescer livres, sem comprometimentos pueris. Com rigor, para que o céu se apresente a ti, sempre, como um grande e respeitoso criador de estrelas.
E determinação, para que nunca desistas, mesmo quando as tuas asas estiverem longe de voar, longe dos céus, longe da luz.
«Como devo cuidar das minhas asas?», perguntas tu.
É simples, meu amigo. Simples como tudo aqui de cima.
Eleva-te.
Eleva a tua vibração. Cuida para que todos os teus pensamentos, todas as tuas acções, todas as tuas preocupações espelhem sempre e em qualquer ocasião o mais alto padrão energético que tu possas conceber.
Cuida para que o ego, o julgamento, a culpa e a resistência estejam sempre a anos-luz da tua energia.
Cuida para que os teus sonhos sejam acarinhados por ti, mesmo quando não os consigas realizar.
Um sonho não realizado permanece um sonho. Ou pode transformar-se numa frustração.
A escolha é tua.
E, principalmente, cuida para que, quando vieres cá acima, consigas alçar as tuas asas o mais alto e o mais largo que a tua energia consiga alcançar.
E sobrevoa os céus, com a força da minha protecção.
E quando voltares à terra, quando voltares à tua vidinha quotidiana, vais sentir no teu corpo estas paragens, e se fechares os olhos e respirares, ainda poderás sentir nas tuas costas o movimento dos pássaros.
E ninguém vai saber o que aconteceu.
E ninguém vai saber que sabes voar, e que tens umas asas enormes.
E ninguém vai perceber o quanto és feliz.
É um segredo.
Teu e meu.
Teu, meu e do Universo inteiro.
E quando alguém te tentar cortar as asas, vais também saber que há concessões que nunca, jamais se fazem.
E esta é uma delas.

JESUS



Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 23 seguidores

.pesquisar

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

As fotos publicadas neste blog não são, na sua maioria, da minha autoria. Inspiro-me simplesmente quando vejo algumas e guardo-as. Uso-as quando elas permitem expressar o que sinto ou quero dizer. Espero que sejam tão inspiradoras para si como o são para mim. Se for autor de alguma das fotos que se encontram neste blog, cujo principal fundamento é a solidariedade, agradeço que me contacte para poder colocar o seu nome com os devidos créditos de autoria, ou se preferir posso retirá-la,basta enviar-me um e-mail ou deixar um comentário.
blogs SAPO

.subscrever feeds